4.3.07

Modernidade

O casal idoso vivia sozinho nos montes algarvios, o único filho emigrado. A senhora, há muito padecendo de Alzheimer, via o seu estado agravado de dia para dia, entregue por completo ao tratamento dado pelo marido, lavar, vestir, dar de comer, marido esse até então talvez mais habituado a ser tratado que a tratar.
A mulher ia piorando, dando-lhe acessos de fúria em que atacava o próprio marido, talvez por ter já chegado a desconhecê-lo. Na sua impotência, o homem tentou de tudo o que sabia para arranjar algum lar para interná-la. Nada nem ninguém lhe valeu.
Num dia negro, o desespero venceu: deu um tiro na cabeça à mulher que descansava no sofá, saíu para fora e suicidou-se com outro.

O caso foi verídico, veio nos jornais. A Câmara anunciou depois que teria arranjado solução para este casal. Que sociedade é a nossa em que se morre de desespero à nossa porta?

5 comentários:

rita disse...

Chocam-me muito os caso de violência e abuso infantil, mas não deixo de ficar menos chocada com o tratamento que é dado aos nossos "velhos". Nós que nos dizemos país do 1º mundo devíamos ter vergonha quando nos gabamos disso. Há países do chamado 3º mundo onde a velhice é um estatuto, sinónimo de sabedoria, experiência e onde os vlhos, os anciãos são os elementos mais respeitados e enaltecidos da sociedade.
Nós, os "evoluídos", abandonamos os nossos. É inadmissível.

firvidas disse...

Sim, especialmente por filhos em busca de "status" e profissões que lhes prometem o mundo de luxo, um mundo de ilusões. Um mundo que já se esqueceu do significado da palavra lealdade e honra.

Quando falamos assim, somos gozados como patetas, definitívamente como pertencendo a outros tempos; e sendo assim, prefiro de facto pertencer a outros tempos a outras mentalidades menos sofisticadas. O mundo de hoje, não é suficiente bom para os meus gostos.

Hadassah disse...

A nossa sociedade não idosa, culpa a velhice, não tem paciência para ela, tratando-a como um fardo... parece que esquece que os velhinhos também foram pessoas com energia, com juventude, com faculdades e que é para lá que todos vamos...

Não devíamos tratar melhor os nossos idosos só por isso, mas se fossemos um pouco + inteligentes tbém por isso... se quiséssemos melhorar o nosso futuro...

Dulce disse...

Eu fico sem palavras... apenas angustiada.

Amores Perfeitos disse...

:((

sem palavras